Gold Nutrition L-Glutamine Extreme Force 300g

Apesar do nosso organismo ter a capacidade para produzir Glutamina, em situações de stress, especialmente durante a prática de exercício físico ou infeção não são produzidas quantidades suficientes para suprir a necessidade existente.

Para ter noção da sua importância, podemos dizer que a glutamina representa cerca de 50% dos aminoácidos no músculo, logo o seu consumo será importante para que o organismo não utilize aminoácidos essenciais para a produzir e para que haja a manutenção das suas reservas no músculo.

18,19 €

Desconto de quantidade

Quantidade Unit discount Poupa
2 4% Até 1,46 €
3 5% Até 2,73 €
Quantidade
Em Stock

 

Envio Grátis em encomendas superiores a 20€ (Portugal Continental)

 

Pagamento Seguro (Multibanco, MB Way ou Transferência Bancária)

 

Política de devolução (até 14 dias após receção)

Descrição

L-Glutamine Extreme Force GoldNutrition® é uma fórmula de alta qualidade e pureza, que devido à sua apresentação em pó permite ser adicionada a alimentos e bebidas. A Glutamina é um aminoácido condicionalmente essencial, o que significa que o nosso organismo tem capacidade para o produzir, porém, em situações de stresse, nomeadamente durante a prática de exercício físico, infeção ou cirurgia, não são produzidas quantidades suficientes para suprir a necessidade existente. A Glutamina é ainda o aminoácido livre que existe em maior quantidade no músculo, representando cerca de 50% do total dos aminoácidos a nível muscular. O seu consumo é essencial para que o organismo não utilize aminoácidos essenciais para a sua síntese e para que haja a manutenção das suas reservas intramusculares. A Glutamina é um dos aminoácidos que provoca uma maior libertação da hormona do crescimento, e funciona também como fonte de energia para as células do sistema imunitário, nomeadamente para os glóbulos brancos. Acção Anti-catabólica A Glutamina é o aminoácido livre que existe em maior quantidade no músculo, representando cerca de 50% do total dos aminoácidos a nível muscular. É um potente substrato para propiciar o aumento do volume da célula muscular. Durante o exercício físico prolongado os níveis plasmáticos de glutamina baixam. O seu consumo é essencial para que o organismo não utilize aminoácidos essenciais para a sua síntese e para que haja a manutenção das reservas intramusculares de glutamina. A Glutamina é um dos aminoácidos que provoca uma maior libertação da hormona do crescimento, sendo indicado em programas de ganhos de massa muscular. 

Acumulação de Glicogénio Muscular A Glutamina induz um aumento significativo na acumulação de glicogénio no músculo, durante as primeiras duas horas da recuperação. 

Sistema Imunitário Em situações de treinos mais intensos e frequentes, o stresse físico e psíquico é superior, o que pode levar ao enfraquecimento do sistema imunitário. Nesta situação as exigências em Glutamina são ainda superiores. A Glutamina funciona como uma fonte de energia para as células do sistema imunitário, nomeadamente para os glóbulos brancos. Níveis baixos deste aminoácido levam a um enfraquecimento das células do sistema imunitário, com a resultante diminuição da resistência à infeção. Para além da capacidade de aumentar a produção de linfócitos, aumenta também a capacidade dos neutrófilos destruírem as bactérias, sob situações de stresse. Fornecer Glutamina após o exercício prolongado, torna-a disponível para as células do sistema imunitário, durante o período crítico de indução da infeção. 

Função Cerebral Outra das funções da Glutamina é melhorar a capacidade mental, já que no cérebro é convertida em ácido glutâmico, elemento essencial para a função cerebral. 

Ácido Láctico O nível de bicarbonato no plasma representa um dos mais importantes sistemas tampão do nosso organismo. Uma das áreas onde se revela fundamental é na descativação do excesso de ácidos. Sem esta desativação, os radicais de hidrogénio, altamente acidificantes, resultantes da atividade física, concentram-se no sangue e nos músculos e conduzem à fadiga e a dores musculares. Uma dose oral de 2 g mostrou produzir um aumento dos níveis de Glutamina circulante no plasma, associado a um aumento da concentração da hormona do crescimento e do bicarbonato. O bicarbonato é essencial para eliminar o excesso de ácidos do organismo, evitando as dores e a fadiga muscular. Assim, um aumento da concentração de bicarbonato no sangue pode resultar numa melhor performance, especialmente em exercícios de alta intensidade.

 Sistema Digestivo Um correcto funcionamento do trato gastrointestinal é vital para uma saúde plena e um bem-estar geral. As células do intestino delgado usam glutamina como fonte energética e, como tal, este aminoácido é essencial para manter a integridade estrutural da barreira intestinal. Quando os níveis de glutamina são insuficientes, pode haver permeabilidade intestinal, ou seja, existe uma passagem de toxinas e agentes infecciosos do intestino para a corrente sanguínea, conduzindo a alergias e a inflamação. Devido ao exercício de alta intensidade, os atletas exibem muitas vezes uma permeabilidade intestinal elevada pelo que, a suplementação com glutamina pode desempenhar uma função muito importante nesta população específica. 

Ingredientes

Por dose: L-Glutamina – 5,5g

Modo de usar

Dissolver 1 medida em um copo de água, misturar bem e beber de seguida. 

Avisos

Não recomendado durante a gravidez, aleitamento e a crianças menores de 6 anos ou em caso de alergia a algum dos constituintes. A Glutamina não deve ser tomada por pessoas com cirrose hepática, problemas renais, síndrome de Reye’s ou outro tipo de patologia que aumente a acumulação de amónia no sangue. 

Também poderá gostar